IZABEL MARUM
PORTUGUÊS
BIOGRAFIA
 
BIOGRAFIA

Izabel Hesne Marum nasceu em Nova Europa, interior de São Paulo. Artista Plástica autodidata, cursou História da Arte no Museu Brera de Milão, Itália (1970) e no Museu Jeu du Paume, em Paris, França (1970). Como profissional, trabalhou no Museu de Arte Moderna na Feira de Arte do MASP (1972 a 1997). Como marchand, comercializou objetos de arte, pintura, escultura e decoração. Dedica-se a escrever histórias infanto-juvenil, coletâneas, contos e crônicas. Publicou A Luna da Lua, 2003; A Bruxinha que virou Sereia, 2006, e Cotinha, a galinha dengosa, 2011. No prelo: "O boi de mamão verde". Izabel Marum conta que ganhou o primeiro livro, “Reinações de Narizinho’, de Monteiro Lobato, aos nove anos de idade, e que desde então nunca parou de se encantar com a literatura infantil. Ela considera Monteiro Lobato o principal autor de livros infantis no Brasil, embora também goste de Ziraldo e Ana Maria Machado. Acha fundamental que os pais leiam para os filhos – “nem que seja 10 minutos por dia”. Mora há 15 anos em Florianópolis, onde passou a escrever com assiduidade, porque a ilha lhe inspirou. Atualmente, dá palestras e promove leituras coletivas de suas obras. Como agente cultural, já participou da Academia Catarinense de Letras e Artes e foi vice-presidente da Associação Literária Florianopolitana (Aliflor). Fez parte também do jornal Informativo do Sul com crônicas e poesias e já participou da AJEB-Associação de jornalistas e escritoras do Brasil. Atualmente é associada da REBRA-REDE DE ESCRITORAS BRASILEIRAS. Participou do último concurso Cultive de Literatura em Genebra (2017), ganhando em primeiro lugar com seu conto “O escravo Sebastião e a montanha que chora”.