GUACIRA MACIEL
PORTUGUÊS
BIOGRAFIA
 
BIOGRAFIA

Guacira Maciel nasceu em Salvador-Bahia; é licenciada em Arte e Bacharel em Biblioteconomia e Comunicação (UFBA); vários cursos de arte no Parque Laje (RJ), cursos de Literatura na Casa da Leitura (RJ); e recebeu o título de "Doctor Honoris Causa" da Univ. Corporativa das Américas/Fundação Ibero Americana. Recentemente aprovada para o Mestrado na Universidade de Valencia (Espanha)/UFBA. 
Escreve poemas, crônicas, ensaios e ocupa-se agora em escrever um romance ambientado na Chapada Diamantina-Bahia. Na área de Educação, onde atua profissionalmente, escreve sobre sua experiência na Educação Básica.
Guacira tem dois livros publicados; "Poesia em Verso e Prosa", lançado na IX Bienal Internacional do Livro da Bahia (Editora Litteris/Quártica); e na área de Educação, "A Importância da Arte na Aprendizagem"; também em Educação, tem um trabalho "A Educação nos Futuros Cenários da América Latina", publicado virtualmente pela "Save the Children - Suécia". Além desses, já participou de várias Coletâneas, e tem um ensaio " Tributo à VanGogh" classificado em 1º lugar  pela EDCPublicações/Universidade Corporativa das Américas. Representou a Educação do seu Estado no Grupo de Elaboração de Políticas Públicas para a Inclusão da Diversidade junto à Secretaria de Justiça e Direitos Humanos, deu vários cursos sobre a inclusão da Cultura  Africana e de Afrodescendentes na Educação Básica da Bahia, através de consultoria. Escreve regularmente em um espaço cultural em Portugal, www.escritartes.com , através do qual, participou da 2ª Coletânea (2012) editada em parceria com a Editora Mosaico de Palavras, do Porto. Tem um Blog, www.gpoetica.blogspot.com, classificado entre os 100 melhores blogues de Arte e Cultura, através do Concurso TOPBLOG2011.
Atualmente Guacira está preparando a segunda edição de "Poesia em Verso e Prosa" , e escrevendo um romance ambientado na Chapada Diamantina, no período da lavra do diamante; é um romance inserido na história e na cultura da região, incluindo seu rico imaginário, recheado de "causos"  sobre os coroneis e da sua política como um regime paralelo, e de histórias do mundo  das crenças e do sobrenatural.