ROSALIE GALLO
PORTUGUÊS
BIOGRAFIA
 
BIOGRAFIA

Nascida em Pindorama/SP, começou a escrever cedo. Sem acreditar muito em seu próprio potencial, guardava seus escritos até que uma professora de português, ao avaliar seu soneto escrito como tarefa escolar, lhe deu a nota máxima, elogiando seu texto na classe. Adquiriu maior confiança mas não o suficiente para suportar o grau de exigência de sua profissão - professora universitária de Teoria da Literatura - na crítica e na leitura que faz de si como se fosse outra pessoa, o que lhe dificulta a vontade de publicar.
Publicou alguns livros e participou de outros.
A memória invisível/La memoria invisibile foi sua estréia, com aforismos bilingues (português e italiano) escritos especialmente para fotos de um amigo fotógrafo italiano, apaixonado pelas esculturas do Cemitério Monumental de Staglieno, de Gênova. 
Em seguida, na primeira edição do Prêmio estímulo de Literatura Nelson Seixas, da Secretaria Municipal de Cultura de São José do Rio Preto/SP, levou o prêmio com cuja verba publicou Eu vi onde termina o mar. Em 2010 foi a vez de Luísas, romance autobiográfico em que inicia com a imigração de Luísa, a avó paterna para o Brasil, ao encontro do marido que a precedera, dando continuidade em nosso país, de uma família em que o nome aparece como homenagem à força da primeira personagem feminina. Termina a narrativa apresentando aos leitores a neta Luísa.
Participa de muitas Antologias com contos e poemas vencedores, bem como ensaios, como em Nas malhas da narratividade, livro publicado pela UNESP de Assis/SP.
Sua tese de doutorado sobre Alessandro Baricco ganhou, na Itália, o Prêmio Marengo d' Oro em 2005.
Gosta de viajar, de fazer fotos, montar exposições, trabalhar com cultura.
É membro da Academia Rio-pretense de Letras e Cultura, onde ocupa a cadeira número 29. É Diretora Cultural da Sociedade "Amici d´Italia" pela terceira gestão bienal. Há um ano coordena o Núcleo de Cultura da ACIRP - Associação Comercial e Industrial de Rio Preto, cujas ações estão voltadas para uma aproximação entre produtores culturais e empresários da cidade. Desde 2007, quando foi agraciada com uma Menção Especial no Premio Mondiale di Poesia Nosside, abdicou de participar novamente do concurso para trabalhar voluntariamente como Secretária deste prêmio no Brasil, divulgando-o por todo o país.
Atualmente está envolvida na elaboração de um novo livro voltado à cultura italiana que pretende lançar nos próximos meses e cujo título provisório é Breve panorama della cultura italiana.