DULCE AURIEMO
PORTUGUÊS
BIOGRAFIA
 
BIOGRAFIA

DULCE AURIEMO

Natural de São Paulo. Graduou-se em Comunicações na FAAP e suas atividades sempre estiveram relacionadas com a área cultural.
Como escritora participou de importantes movimentos literários, entre eles a U.B.T. - União Brasileira de Trovadores. É musicista e concentrou seus estudos em piano, violão e flauta. Freqüentou cursos de aperfeiçoamento em técnica vocal no Brasil e EUA. A paixão pela música fez com que sua obra literária tivesse sempre uma característica litero-musical. Iniciou a trajetória como compositora, poetisa e intérprete de suas canções gravando o primeiro disco em 86, com 12 obras – letra e música de sua autoria- “Como um Sonho”, relançado em 2002.
Produziu diversos projetos musicais com seu grande incentivador, professor de piano e harmonia moderna, arranjador e intérprete instrumental de suas canções, Amilton Godoy. Em destaque, a premiada edição bilíngüe que inclui álbuns de partituras e CDs – “Piano Solo Compositores Brasileiros” Vol. I (Dulce Auriemo) e Vol. II (Amilton Godoy).
Compôs mais de 50 canções (letra e música) tendo 46 gravadas e editadas em livros contendo poemas musicados, textos literários e partituras com arranjos para piano solo, corais e orquestras. Como letrista é parceira de importantes nomes da MPB, como: Paulinho Nogueira (em oito canções) e Amilton Godoy, em “Notas Que Falam”.
Foi Diretora de Promoções Culturais do Esporte Clube Pinheiros por 11 anos, de 1990 a 2001. Nesse período criou e coordenou diversos projetos que entraram para o calendário Cultural do Clube, entre eles: “Projeto Noites Culturais”, “Clássicos em Concerto”, “Arte Literária”, “Arte em Compasso” e “Arte Natureza”. Foi a primeira Diretora Cultural da Acesc e desenvolveu a Maratona Cultural Interclubes juntamente com a Secretaria de Estado da Cultura.
Pertence ao Grupo de Escritores do Clube Pinheiros, à Rede de Escritoras Brasileiras-REBRA, e à União Brasileira de Escritores – UBE.
É Diretora voluntária de Artes Musicais da AMEM (Associação dos Amigos do Menor pelo Esporte Maior).
É autora do Projeto Espantaxim. 

Projeto Espantaxim

Dulce Auriemo é casada, tem quatro filhos e oito netos. Foram os primeiros netinhos que a inspiraram para estrear na Literatura Musical Infantil, com o lançamento do livro/CD “Espantaxim e o Castelinho Mágico – 14 Canções de Dulce Auriemo“. Incentivadora das artes e sempre cultivando música e poesia apresenta um novo trabalho com uma história inédita para o mundo infantil, a criação de 18 personagens e músicas, que valorizam ritmos bem brasileiros.

É autora de vários livros de literatura e CDs relacionados aos personagens do Castelinho Mágico.

Criou e dirige a empresa D.A. Produções Artísticas e o Selo D.A.Music, possibilitando assim, com o apoio da equipe D.A., o desenvolvimento desse projeto cultural adotado por centenas de escolas e instituições beneficentes. Com caráter pedagógico mais direcionado à pré-escola, estimula as crianças ao aprendizado musical e à literatura, assim como à preservação do meio ambiente e à cultura da Paz.

Lançou o Projeto Espantaxim em setembro de 2002 e já atingiu milhares de pessoas de todas as idades através de apresentações em teatros, clubes, escolas, livrarias, ações sociais e shows beneficentes.
Recebeu o PRÊMIO JABUTI / 2009 - com o livro/CD "MEU PRIMEIRO ÁLBUM DE PIANO SOLO" - na categoria DIDÁTICO/ PARADIDÁTICO. Esse livro/CD é uma edição bilingue que reúne 14 canções de sua obra literária e musical "Espantaxim e o Castelinho Mágico", com arranjos para Piano Solo elaborados por Amilton Godoy.
Criou o site www.espantaxim.com.br