CYANA LEAHY-DIOS
PORTUGUÊS
BIOGRAFIA
 
BIOGRAFIA

CYANA MARIA LEAHY- DIOS, niteroiense nascida em Salvador na década de 1950, traz sangue irlandês sob a pele baiana. Foi viciada por seus pais na Arte da Palavra: ler vicia! Estudou piano clássico (Escola Nacional de Música, UFRJ), com concertos e recitais em teatros e salas de concerto no Brasil e nos Estados Unidos. Cursou Letras - português/inglês (UFF), Mestrado em Educação (UFF), Doutorado em Literatura Brasileira (USP). Recebeu o Prêmio Overseas Research Award 1993, do Conselho de Reitores das Universidades do Reino Unido, doutorando-se em Educação Literária pela Universidade de Londres.
 
Docente universitária (Universidade Federal Fluminense) desde 1989, CYANA LEAHY-DIOS lecionou na Licenciatura de Letras; nos mestrados e doutorados em Letras, Comunicação Social, Ciência da Arte, Patologia e Infectologia Médicas. Criou a EDUCAÇÃO LITERÁRIA, acreditando que a educação pode mover montanhas e democratizar sociedades, promovendo um futuro melhor e mais justo para todos. Palestrante freqüentemente convidada para eventos acadêmicos, congressos e conferências no Brasil e no exterior, ganhou prêmios literários e de pesquisa no Brasil, nos EEUU e na Inglaterra. Recebeu da Prefeitura Municipal de Niterói menção honrosa (2003) como 'escritora que eleva o nome da cidade para além de suas fronteiras'; e a medalha de ouro José Cândido de Carvalho (2008), como 'renomada escritora'. 
Entre 2000 e 2005, CYANA atuou também como voluntária na Fundação São Martinho, em Niterói, criando a biblioteca e dinamizando a leitura entre menores socio-economicamente carentes, de baixa escolaridade. Considera esse um de seus melhores trabalhos com a Arte da Palavra. (www.cyanaleahy.com)


        CYANA LEAHY escreve. Sua obra poética inclui: 
BIOMBO (Ed. Cromos, 1989) 
ÍNTIMA PAISAGEM (Ed. Sette Letras, 1997) 
LIVRO DAS HORAS DO MEIO (Ed. Sette Letras, 1999) 
POEMAS DOS TEMPOS/DUETOS, com o músico Fred Schneiter (C L Edições, 2001) 
SEMINOVOS EM BOM ESTADO (CL Edições, 2006) 
(RE)CONFESSO POESIA (Ed. Sette Letras, 2009).

      A obra acadêmica inclui, dentre vários textos, críticas e artigos:
A PALAVRA IMPRESSA (co-autor Martyn Lyons, Casa da Palavra, 1999), sobre  mulheres invisíveis do cânone literário 
EDUCAÇÃO LITERÁRIA COMO METÁFORA SOCIAL (Ed.UFF, 2000/ 2ª edição Ed. Martins Fontes, 2005) 
LÍNGUA E LITERATURA: UMA QUESTÃO DE EDUCAÇÃO (Ed. Papirus, 2001) 
ESPAÇOS E TEMPOS DE EDUCAÇÃO, em co-autoria acadêmica (CL Edições, 2004)
'A Educação Literária e as Políticas Oficiais', in LEITURA LITERÁRIA: A MEDIAÇÃO ESCOLAR, org. Graça Paulino e Rildo Cosson (UFMG, 2004) 
A LEITURA E O LEITOR INTEGRAL (Ed. Autêntica, 2006)
DOCÊNCIA DA LÍNGUA PORTUGUESA: EXPERIÊNCIAS CONTEMPORÂNEAS, em co-autoria (CL Edições, 2008), com textos oriundos do SLP 13, coordenado por Cyana Leahy-Dios, no 1º Congresso Mundial de Estudos da Língua Portuguesa (SIMELP-USP), em 2008.

          Sua prosa literária abrange:
TODOS OS SENTIDOS (org.), co-autoria (CL Edições, 2004), premiado pela União Brasileira de Escritores como 'Melhor Livro de Contos de 2004'
106 FALAS DE AMOR (CL Edições, 2006)
CONTOS TRADICIONAIS IRLANDESES (Franco Editora, 2007), premiado em Dublin com o Ireland LIterary Exchange Award
HISTÓRIA DE CRIANÇA E DE FUTURO (Franco Editora, 2007), indicado pela CNBB como leitura para a Campanha da Fraternidade 2008.

       E mais: 
04 POEMAS, Revista 'Manifest - multicultural writing in English, 1995, Institute of Education, London University
Conto 'PENÚLTIMA CONFISSÃO' no livro ERÓTICA (org. B. do Amaral Gurgel, Ed. Brasiliense, 1993)
Poemas, ANTOLOGIA DA NOVA POESIA BRASILEIRA (org. Olga Savary, Ed. Brasiliense, 1998).

         Como tradutora, CYANA LEAHY verteu para o inglês: 
CULTURA DO PAPEL (Casa da Palavra, 1998) 
HISTÓRIA DOS GRANDES PERSONAGENS DO CINEMA BRASILEIRO (Fraiha, 1999) COLEÇÃO DO ARTISTA: AMADOR PERES (Fraiha, 1999) 
Catálogos de artistas (Fayga Ostrower, Anna Bella Geiger etc)
Sites bilíngües (Nelson Rodrigues, Fabrício Carpinejar etc) 
Vários artigos e capítulos de livros publicados no Brasil e no exterior (pela Brazilian Studies Association, The European Legacy: toward new paradigms - Journal of ISSEI , InfoMarex, Abralic, BPERJ, UBE, BN)
         Traduziu para o português: 
DEZEMBROS SELVAGENS, de Edna O'Brien (Ed. Bertrand, 2000), 
SOLSTÍCIO DE INVERNO, de Rosamund Pilcher (Ed. Bertrand, 2000), 
SEXO E NEGÓCIOS, de Shere Hite (Ed. Bertrand, 2001),
QUEIMA-ROUPA: HISTÓRIAS DO WYOMING, de Annie Proulx (Ed. Bertrand, 2001).

           CYANA LEAHY edita (www.cledicoes.com):
 A C.L. Edições (www.cledicoes.com), fundada em 2001, publica obras selecionadas a partir de critérios qualitativos de análise. Constam do acervo da C.L. Edições:

POEMAS DOS TEMPOS/DUETOS (de Cyana Leahy e Fred Schneiter, 2001)
CSEKO POR FRED (de Fred Schneiter, 2002)
TODOS OS SENTIDOS: contos eróticos de mulheres (co-autoria, org. Cyana Leahy), 'Melhor Livro de Contos de 2003' pela U.B.E.
PROFESSORES CONTAM SUA CIDADE: SÃO PEDRO DA ALDEIA EM FOCO (org. Helena A. Fontoura e Gianine S. Pierro, 2004)
ESPAÇOS E TEMPOS DE EDUCAÇÃO (org. Cyana Leahy em co-autoria acadêmica, 2004)
ANGÚSTIAS DE UM GAY URBANO (de Janderson Lemos de Souza, 2006)
106 FALAS DE AMOR E SEUS CENÁRIOS (de Cyana Leahy, 2006)
SEMINOVOS EM BOM ESTADO (de Cyana Leahy, 2006)
DOCÊNCIA DA LÍNGUA PORTUGUESA: EXPERIÊNCIAS CONTEMPORÂNEAS (org. Cyana Leahy-Dios, co-autoria acadêmica, 2009) - textos do 1º Congresso Mundial de Estudos da Língua Portuguesa (SIMELP-USP), 2008
MOSAICOS & FILIGRANAS, poesia (de Salammbô Pessoa, 2008) 

          Aposentada da UFF, oferece cursos, palestras e oficinas em várias partes do país, buscando desconstruir estudos da língua, da literatura, das artes e culturas nacionais. Em 2008, trabalhou 'O Inusitado Machado', abordando crônicas, contos, cartas, críticas e poemas machadianos raramente lidos, analisados, estudados. 
Visite www.saladeleituras.com.

      Apreciando sem moderação, com intensa emoção e alegria o despontar de cada novo dia, CYANA não saberia sobreviver, de corpo e alma, sem a preciosa rede de amigos que tem, espalhados pelo planeta. São a sua FAMÍLIA ELEITA! Nessa imensa família, você será sempre benvinda, sempre benvindo. A casa é sua!