NÚRIA CARLA FIGUEIREDO SILVA
PORTUGUÊS
TEXTOS
 
TEXTO

ABRAÇA-ME!

Abraça-me! De forma sintetizada...
Na malícia do olhar...repousas
As tuas braçadas largas e descompassadas!
Envolve-me inteira e me ousas!

Abraça-me! Na pronúncia das sílabas tônicas;
Nos colos dos loucos que se atrelam
Aonde eu for, quero tua marca louca
No meu pescoço, como vínculo em anelo!

Abraça-me! Pulveriza-me! Em ternura...
Como a carícia do céu no vento
Como a sinfonia na voz tão pura...

Abraça-me! Como a um buquê de rosas...
Que se declaram abatidas de desejo
Quando carinhos as fazem formosas!


(Ledalge, ABRAÇA-ME!)